Home » Programação Em Blocos: Uma Tecnologia que Atrai Crianças e Jovens

Programação Em Blocos: Uma Tecnologia que Atrai Crianças e Jovens

by Jean Carlos
0 comment
programacao em blocos

A programação em blocos pode ser um grande aliado de mães e pais, em todo Brasil, que buscam inserir seus filhos no universo da tecnologia da informação. Leia este artigo e saiba como.

É cada vez mais difícil envolver crianças e adolescentes em atividades que eles possam achar interessante e que ao mesmo tempo possam promover o desenvolvimento educacional, estimular o aprendizado matemático, o raciocínio lógico e a capacidade de resolver problemas. 

Mas se ao invés de simplesmente passar horas jogando na internet, a criança pudesse desenvolver seu próprio jogo? Neste contexto, a programação em blocos surge como um grande aliado rumo a aprendizados que podem levar o seu filho a se destacar no mercado futuro. Confira!

Programação em blocos: entenda o conceito

Em termos gerais, a programação nada mais é que a criação de códigos em sequência de comandos para que o computador possa executar uma tarefa. Neste processo, o programador se utiliza de operações matemáticas, lógicas, nomes e números para criar um programa.

Este universo pode ser assustar e até mesmo provocar o desinteresse da criança e do adolescente, devido seu nível de dificuldade. 

É aí que entra a programação em blocos que se apresenta aos jovens como uma metodologia visualmente amigável capaz de ensinar conceitos iniciais ligados à programação e desenvolvimento de softwares e aplicativos.

Neste contexto, os blocos substituem as linhas de códigos, tradicionalmente utilizados pelos desenvolvedores. Os blocos possuem formatos, cores e funções específicas. A combinação entre eles em uma estrutura de processos e resultados forma o programa em blocos.

Projeto Academia STEM: Curso de programação por blocos gratuito

Se você deseja envolver seu filho no universo da programação por blocos, mas se deparou com cursos caros e inalcançáveis, essa será uma boa notícia para você. O projeto Academia STEM lançou o curso de Robótica Básica e Programação por Blocos, 100 % gratuito. A iniciativa é realizada pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA). 

O curso de Robótica Básica e Programação por Blocos, possui, ao todo, treze aulas que vão, com certeza, envolver crianças e despertar o interesse para o universo da programação. 

Saiba quem criou a programação em blocos

Embora poucas pessoas tenham conhecimento sobre a programação em blocos, este tipo de linguagem não é novo e já existe desde 1996. 

O conceito de programação baseada em blocos foi criado pelo laboratório MIT Media através do projeto Logo Blocks.

Metodologia da programação em blocos 

Para que a metodologia da programação em blocos surta o efeito educacional desejado, ele precisou ser simples, exatamente como um jogo de quebra-cabeça. 

Além de desafiador, porque você precisa encontrar a peça certa, ele é realmente estimulante a partir do momento que com a montagem de sequência das peças certas, a criança consegue escrever um programa. O desenvolvedor mirim se sente realmente estimulado quando percebe que ao mover e organizar os blocos novos comandos são criados e algo novo acontece.

Programação em bloco: seu lado lúdico e direcionamento para o mercado

Scratch programacao em blocos online

Entre as vantagens da programação em blocos está a simplificação da matéria. Podemos dizer que a programação em blocos é uma forma lúdica de ensinar programação e desenvolvimento às crianças e adolescentes. Mesmo sendo lúdico, este tipo de programação tem uma capacidade enorme de estimular o aprendizado matemático e o raciocínio lógico. 

Além disso, grandes organizações como Google e a NASA utilizam este tipo de linguagem, para facilitar a programação uma vez que se pode programar recorrendo a menos códigos, otimizando assim, o tempo de codificação. 

Para pais e mães a grande vantagem da programação em blocos está na possibilidade de inserir seus filhos em um universo altamente promissor. Um estudo realizado pela Startupi mostrou que o setor de tecnologia da informação cresceu 23% em 2021 e 24,5% em 2022. A previsão de crescimento para 2023  é de 23% em 2024, a previsão de crescimento é de 21%. Ou seja, ao inserir seu filho neste universo você os está preparado para um grande mercado de trabalho.

Programas utilizados na programação em blocos

Agora que já sabe que a programação em blocos auxilia na iniciação dos jovens no universo da tecnologia da informação, precisa conhecer melhor as ferramentas mais utilizadas para criar este tipo de programação. Confira!

Blockly

Desenvolvidos pelo Google, este programa incentiva o desenvolvimento dos programadores do futuro. O Blockly Games é individual e pode ser baixado para uso offline, garantindo acessibilidade para todos os alunos e tecnologia. 

A boa notícia é que o código é aberto, o que significa que é gratuito e personalizável para atender às necessidades do usuário. 

MIT APP Inventor

O MIT App Inventor também é um ambiente de programação visual intuitivo que permite que crianças criem aplicativos totalmente funcionais para telefones Android, iPhones e tablets Android/iOS. 

O MIT App Inventor permite que aplicativos simples sejam instalados em menos de 30 minutos. A ferramenta baseada em blocos facilita a criação de aplicativos complexos e de alto impacto em muito menos tempo.

Scratch

programacao em blocos online

O Scratch é sem dúvidas, uma das maiores comunidades de codificação do mundo para crianças e utiliza uma linguagem de codificação com uma interface visual simples. Os projetos desenvolvidos pela Scratch permitem que a criança desenvolva histórias, jogos e animações digitais. 

A instituição tem como objetivo promover o pensamento computacional e a habilidade de resolver problemas através de uma aprendizagem criativa. O Scratch é gratuito e está disponível em mais de 70 idiomas.

Swift Playgrounds

O slogan da da Swift Playgrounds e “Aprenda código sério. De uma forma seriamente divertida”. Isso resume bem a forma como o aplicativo trabalha. Desenvolvido para iPad e Mac, o Swift Playgrounds torna divertido aprender e experimentar o Swift que é uma linguagem de programação criada pela Apple e utilizada para criar os aplicativos mais populares da atualidade. 

Por não precisar de conhecimento de codificação, o Swift Playgrounds é perfeito para quem está começando.

Primeira linguagem de desenvolvimento em blocos a ter se popularizado

Que há muitas linguagens de programação, você já sabe. Mas, afinal, qual foi aquela que deu origem à popularidade dessas ferramentas? Pois bem, a primeira linguagem de desenvolvimento em blocos a ter se popularizado foi a FORTRAN. Ela foi desenvolvida a partir de 1950 e, por incrível que pareça, ainda é utilizada atualmente. 

Programação em blocos X métodos tradicionais

Como você pôde perceber, a programação em blocos atua como grande aliada no processo de aprendizagem tecnológica de crianças e jovens. Mas, quais características a distinguem dos métodos tradicionais? 

Bem, os métodos utilizados de modo convencional são o fluxograma e a escrita de algoritmos na língua portuguesa. Porém, um ponto negativo dessas ferramentas é que elas usam exemplos cotidianos (como rotinas e afazeres), até mesmo para facilitar a aprendizagem, mas acaba não sendo muito funcional para a programação em si. Dessa forma, os métodos tradicionais se tornam mais lentos e cansativos, deixando os estudantes desmotivados e frustrados. 

Já a programação em blocos também visa ensinar essa tecnologia de maneira mais prática, porém, de modo mais real e funcional a menor prazo. Nesse caso, o aluno inicia o aprendizado com apresentações básicas ou com a criação de jogos. Assim, o desenvolvimento da pessoa depende das habilidades adquiridas ao longo do processo e da criatividade individual. 

Além disso, a programação em blocos proporciona maior motivação para quem está aprendendo. Como esse método é utilizado seguindo comandos sequenciais, o aprendiz consegue ver o resultado surgindo aos poucos. Isso dá a sensação de estar, de fato, programando. 

Então, a programação em blocos é um método muito mais eficiente para introduzir crianças, jovens e, até, adultos às habilidades dessa tecnologia. Desse modo, a transição para o uso das linguagens de programação se torna mais tranquila e prazerosa. 

Você vai gostar de saber: Linguagens de Programação Para Crianças: Benefícios e Plataformas de Programação 

Programação em blocos: olhar educativo sobre a tecnologia

exemplos de programação em blocos

Os benefícios da programação em blocos não param por aí. Ela é uma excelente forma de tornar tecnologias antes utilizadas como distrações maléficas em algo verdadeiramente positivo. Se você tem filhos, com certeza já ficou preocupado com o uso de jogos, de computador e outras funcionalidades virtuais, certo? 

Isso é super normal, já que sabemos dos prejuízos que essas tecnologias podem causar. Mas, a programação em blocos é uma maneira de converter todas essas ferramentas em aprendizado real. Na educação, ela faz com que os jovens aprendam a criar os seus próprios jogos. Com isso, eles desenvolverão a criatividade, a paciência, a imaginação e a determinação. Vale ressaltar que esse aprendizado é excelente para o mercado de trabalho, já que é uma área de atuação muito promissora. 

Principais benefícios da Programação em Blocos

Você, sem dúvidas, já percebeu que a programação em blocos tem muitas vantagens, certo? Porém, há mais a ser mencionado, uma vez que essa tecnologia tem estado em evidência no ramo da programação, então você precisa estar bem informado sobre tudo acerca dela! 

Confira os principais benefícios da programação em blocos:

Fácil de utilizar e aplicar

Atrelada ao benefício anterior, está a facilidade de utilizar e aplicar a programação em blocos. Justamente por ser livre de sintaxe, essa modalidade reduz problemas ortográficos, erros de digitação e outras complicações relacionadas à sintaxe. Então, você consegue focar no seu código e na realização do seu projeto de maneira prática. 

Programação Gráfica

A programação gráfica é ótima para deixar o aprendizado dessa tecnologia mais simples. O auxílio das imagens e de mecanismos visuais é fundamental para testar os programas desenvolvidos. 

Resultados Rápidos

A programação em blocos realiza projetos e atividades mais rapidamente. Isso é justificado pelo fato de que, nesse método, o programador não precisa aprender códigos em formatos muito específicos. Ao aprender os “blocos” (unidades fundamentais) mais básicos, você já consegue desenvolver trabalhos bem legais.

Programação Livre de Sintaxe

porque se chama programação em blocos

A programação em blocos é livre de sintaxe, e isso faz toda a diferença na hora da prática. Ela permite que você não se preocupe com erros de sintaxe e aumente a concentração nas áreas que são realmente mais difíceis e que exigem maior atenção e cuidado. Assim, o tempo gasto para desenvolver seus projetos será menor, aumentando a sua produtividade. 

Não é preciso Memorizar Códigos Enormes

Nos métodos tradicionais de programação, os programadores precisam memorizar cada trecho dos códigos. Já na programação em blocos não há essa necessidade, uma vez que possui listas que separam os blocos em categorias. Assim, você não terá que decorar cada parte dos códigos! 

Resultados obtidos pela programação em blocos

Quando o assunto é programação, muitas pessoas não demonstram interesse por acreditarem que é uma tecnologia extremamente difícil. Para crianças e jovens, mostrar que a programação não precisa ser um “bicho de sete cabeças” é uma tarefa ainda mais árdua. 

Essa faixa etária costuma ter menos paciência para aprender novas atividades e habilidades, além de perderem a concentração, o foco e o interesse muito rapidamente. Mas, a programação em blocos é uma ferramenta bem funcional para mudar esse cenário.

Como esse método gera resultados mais rápidos, a frustração e a desistência dos alunos é muito menor. Fora isso, a animação das crianças e dos jovens faz com que os responsáveis também se interessem pela programação, o que é muito bacana! 

No âmbito estudantil, os professores conseguem aprender e ensinar os blocos e todas as suas funcionalidades de forma fácil e prática. Então, esse fato mostra como os resultados da programação em blocos são positivos. 

Leia também: Pesquisadores da USP investigam como a privação de sono afeta a saúde das crianças 

Projetos desenvolvidos pela programação em blocos: Jogos, Software e Mais

onde podemos utilizar a programação em blocos

A programação em blocos é utilizada para desenvolver uma série de projetos tecnológicos. O mais comum deles é a criação de jogos, como labirintos e games de vôos e outras aventuras. 

Além dos jogos, os programas também se enquadram como um dos principais projetos criados com o uso da programação em blocos. É possível programar robôs, realizar tarefas, desenvolver sons e muito mais. 

Outro projeto que tem sido bastante desenvolvido nos novos códigos de programação em blocos é a criação de animações. Ele desperta o interesse das crianças, já que dá para criar personagens animados, roupas, diálogos, movimentos e sons. 
Fora tudo isso, a programação em blocos permite o desenvolvimento de vídeos, páginas virtuais/sites, aplicativos, softwares e muito mais. As possibilidades são infinitas quando se trata desse método de programação, basta explorá-las e se divertir enquanto aprende mais e mais sobre essa ferramenta.

Saiba quais são os tipos de programação mais utilizados

No setor de programação, há incontáveis tipos de linguagens disponíveis para os desenvolvedores de programas. Para se ter uma noção, atualmente existem mais de mil linguagens de programação presentes em todo o mundo, e elas se dividem em dois tipos: linguagem de baixo e de alto nível. Além dessas, várias outras já foram criadas e acabaram caindo em desuso durante o avanço da tecnologia. 

Essa grande variedade pode ser explicada pelo fato de que esses tipos de programação são desenvolvidos de acordo com a necessidade dos desenvolvedores. Assim, cada uma dessas linguagens possuem objetivos e funcionalidades próprias. Por isso é tão importante entendê-las e analisar as diferenças entre elas, já que essa análise é fundamental para definir quais são as melhores para você. 

Ficou curioso para saber quais tipos de programação são os mais utilizados em meio a essa grande diversidade? Pois bem, as principais linguagens de programação são: JavaScript, Python, Java, PHP, C#, C, C++, Ruby, TypeScript e Swift. 

Primeira linguagem de desenvolvimento em blocos a ter se popularizado

Que há muitas linguagens de programação, você já sabe. Mas, afinal, qual foi aquela que deu origem à popularidade dessas ferramentas? Pois bem, a primeira linguagem de desenvolvimento em blocos a ter se popularizado foi a FORTRAN. Ela foi desenvolvida a partir de 1950 e, por incrível que pareça, ainda é utilizada atualmente. 

Saiba como funciona a programação em Python

Saiba como funciona a programação em Python

Como você pôde observar anteriormente, a programação em Python é uma das mais utilizadas em todo o mundo. Isso acontece porque essa linguagem de programação é considerada pelos programadores como fácil para aprender, fazendo com que até mesmo iniciantes a escolham. 

Python funciona como uma linguagem geral, o que significa dizer que ela pode ser utilizada para diversas atividades. Ela pode automatizar tarefas repetitivas, criar jogos, programar robôs, criar gráficos para Business Intelligence, construir sites, criar aplicativos e muito mais. 

Essa linguagem de programação é gratuita e de código aberto, e ela foi desenvolvida com o objetivo de ter leitura e utilização fáceis. Dessa forma, Python possui comandos intuitivos e que usam muitas palavras da língua inglesa. Isso faz com que o funcionamento seja muito dinâmico, principalmente para os usuários que já estão acostumados com o inglês. 

Então, a programação em Python funciona de modo simples, seguindo os princípios do seu desenvolvimento. Além disso, ela exige menos códigos, possui muitas bibliotecas prontas e permite a utilização de variados recursos em um mesmo bloco de códigos. Em resumo, é uma linguagem flexível e prática! 

Dicas de cursos de programação em blocos

Assim como todos os processos de programação, a programação em blocos tende a parecer, em um primeiro momento, assustadora e complexa para quem deseja aprendê-la. Por isso, é fundamental o apoio de profissionais da área, para tornar o aprendizado mais prazeroso e rápido. 

Então, se você está pensando em aprender a programar em blocos ou quer que o seu filho desperte interesse por essa atividade, precisa contar com bons professores e um suporte de qualidade. 

Confira algumas dicas de cursos de programação em blocos e escolha aquele que mais atende aos seus critérios de aprendizagem:

Sistema Fiep

O Sistema Fiep é um programa cuja missão é fortalecer a indústria e melhorar a qualidade de vida das pessoas. Ele é sustentável, inovador e valoriza os seus colaboradores. Todas as suas atividades são voltadas para a educação, representatividade, segurança e saúde dos trabalhadores. 

Entre os seus projetos, está o curso rápido SENAI de introdução à programação com blocos Lego. Ele é presencial e incentiva a programação em blocos, fazendo com que os alunos pesquisem, busquem soluções, programem robôs, trabalhem em equipe, desenvolvam a tomada de decisão e melhorem aspectos pessoais e profissionais. 

Sem dúvidas, esse é um bom jeito de começar a explorar os recursos da programação!

Udemy

Dicas de cursos de programação em blocos Udemy

A Udemy é uma plataforma que disponibiliza cursos online de diversas áreas do conhecimento: marketing, negócios, design, saúde e fitness, desenvolvimento, TI e software, estilo de vida, finanças e contabilidade, música, fotografia e vídeo, desenvolvimento pessoal, engenharia, idiomas, ciências e muito mais. 

Para o setor de programação, a Udemy oferece vários cursos de Python, JavaScript e outras linguagens de programação. Nessa plataforma, você poderá aprender a introdução de programação de computadores, como utilizar Python do nível básico ao avançado e vários outros conhecimentos. Tudo isso pode ser aprendido virtualmente, por meio de aulas gravadas. 

Mais de 60 milhões de pessoas já utilizaram os serviços da Udemy, e as avaliações dos cursos de programação são excelentes. Vale a pena conhecer a plataforma e ver se ela tem tudo o que você precisa. 

Projeto Academia STEM – UEA

O Projeto Academia STEM, da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), é mais uma fantástica oportunidade para aprender bastante sobre programação em blocos. O melhor de tudo é que o curso de Robótica Básica e Programação em Blocos é 100% gratuito!

Com o objetivo de despertar o interesse dos jovens pela área da programação de forma acessível, o projeto libera suas aulas em um canal do YouTube. O curso conta com 14 aulas, ministradas por estudantes de Engenharia da própria universidade. 

Assim, o Projeto Academia STEM possui uma missão e uma execução muito bacana. É um curso democrático e acessível para alunos de diversas as classes sociais, o que o torna ainda mais interessante. Então, se você procura por um curso de programação em blocos gratuito, certamente o da Academia STEM será uma alternativa incrível para o seu aprendizado. 

Saiba quem são os desenvolvedores do Scratch

Criada em 2007, Scratch é uma linguagem de programação desenvolvida pelo Media Lab do MIT (Instituto Tecnológico de Massachussets) e pelo grupo KIDS da Universidade da Califórnia, em Los Angeles. O Scratch é excelente para quem está começando a programar, até mesmo para crianças a partir de 8 anos. 

Além disso, essa linguagem de programação é ótima para o aprendizado de conceitos computacionais e matemáticos e para a criação de jogos, animações e programas interativos.

You may also like

Leave a Comment

logomi

Somos o melhor e mais completo site de notícias em ciências, Inovação e Tecnologia do Brasil. Contamos com a parceria de Centros de Inovação, Universidades e Incubadoras que compartilham com a nossa equipe as últimas novidades do universo tecnológico. Mundo Inovação, informação com credibilidade!

ARTIGOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS POSTAGENS

2013 – Todos os direitos reservados à Nilcéia Fraissat – Projetado e Desenvolvido por Jean Fraissat